Imagem/WIX

Quem foi aluno/aluna ou professor/professora de escola pública sabe que a realidade escolar é difícil, desmotivante e precária na maioria das vezes.

A educação, como temos hoje, é pensada para o mercado, para os interesses das elites. A educação que vemos é pouco preocupada com as necessidades reais dos educandos e com o desenvolvimento da capacidade crítica reflexiva. Furtando-se de desenvolver, ouvir e escutar aqueles que fazem a educação e dela necessitam os alunos e professores.

As reformas feitas "de cima pra baixo", pensada pelos governos, não levam em consideração as realidades vividas em casa escola desse país.

Pensar que ainda há escolas que não tem o mínimo, como banheiros e acesso a coleta de esgoto, nos leva a imaginar os problemas estruturais dessa área que é tão cara e necessária para a sociedade.

O documentário “Nunca me sonharam" trata dessa realidade dos estudantes e professores da escola pública. Dos desânimos e também das doses de esperança. E é a dica da Aroeira de hoje.

Lançado em 2017, com direção de Cacau Rhoden, o documentário traz o relato dos estudantes, professores, gestores e especialistas de diversas áreas e discutem e refletem sobre a importância da educação. Apesar de ser financiado pelo Instituto Unibanco. É emocionante, reflexivo e necessário. Fica a dica.